Comentários diários de provérbios

Qual será o epitáfio na sua placa identificadora do cemitério?

Provérbios 10:7 A memória deixada pelos justos será uma bênção, mas o nome dos ímpios apodrecerá.

O que dirão aqueles que assistirão ao seu enterro? Quantos virão? Haverá bastante tristeza ou alivio disfarçado? Alguém falará de você dez anos mais tarde? A lembrança de você será abençoada ou podre?

Davi chorou penosamente quando Jonatas morreu (IISm 1:17-27); pois ele se lembrava da maravilhosa amizade dele como se excedesse o amor por uma mulher (ISm 18:1-4; 23:16). Dorcas foi bem lembrada por muitas viúvas pelos seus bons trabalhos e muita caridade (At 9:36-42).

Lembramo-nos de José como sendo gloriosamente virtuoso. A mulher de Potifar era uma prostituta diabólica. Lembramo-nos de Tamar como uma virgem prudente. Amnom como um cão profano. Lembramo-nos de Paulo como sendo o maior apóstolo. Demas como um pobre perdedor. Lembramo-nos de Elias e de João como heróis zelosos, Pilatos e Agripa como comprometedores. Lembramo-nos de Abraão pela sua fé. Ló como o mundano. Lembramo-nos de Daniel o eunuco como sendo forte, e o forte Sansão como sendo fraco.

Caro leitor, como você será lembrado? Esta questão é importante, pois ela reflete o quanto que você usou a dádiva de Deus – sua vida. Considere cuidadosamente a nossa pergunta ao iniciarmos.

Os ímpios não são lembrados, apesar de deixarem os seus nomes em propriedades que deixaram e sonhos de um grande legado (Sl 49:6-14). O Senhor apagará a lembrança deles sobre a terra (Jó 18:5-21; 27:11-23; Sl 9:5-6), como fez com a família de Judas Iscariotes (Sl 109:6-20). Não os inveje nem se agite por causa deles! Não deixe que seus inimigos o incomodem. O nome dos ímpios apodrecerá no esquecimento. Suas vidas são vaidades, pois tudo que fizeram será esquecido (Ec 8:10).

Que diferença existe nos funerais! Joiada, o sumo sacerdote que salvou a vida da criança Joás, foi sepultado com os reis por sua justiça (IICr 24:16). Mas Jeoaquim, o rei de Judá, foi realmente sepultado da mesma maneira que se sepultava um jumento por causa da sua tola rebelião (Jr 22:19; 36:30). Josias, quem trouxe o avivamento a Judá, foi lamentado por Jeremias e por muitos cantores com grandes lamentações (IICr 35:24-25); mas Jeroboão, que levou Israel a pecar, teve a sua família tirada de si como esterco, sem mortes naturais ou enterros apropriados (IRs 14:10-11).

Saul, abandonado por Deus e profano até o fim, cometeu suicídio. Sua cabeça foi decepada, e o seu corpo foi fixado num muro e depois queimado, e seus ossos foram enterrados debaixo de uma árvore (ISm 31:1-10). Davi, cheio do Espírito Santo, morreu numa cama sabendo que o seu Filho reinaria no trono de Deus para sempre e foi enterrado em Jerusalém (IISm 23:1-5; IRs 1:1-4). Lembramo-nos do primeiro como um homem invejoso e mau; do segundo como um glorioso homem segundo o próprio coração de Deus.

O nome de Davi era muito estimado em Israel, enquanto ele estava vivo (ISm 18:30). Depois que morreu, Deus comparou todos os outros reis com Davi e os abençoou por causa dele (IRs 15:3-5). E até este dia ele é um dos personagens mais queridos da Bíblia dentre todos os homens e mulheres de bem.

Caro leitor, você sente que a sua reputação é arruinada por causa do pecado? Arrependa-se, e pratique as primeiras obras (Ap 2:5). Considere o homem que acabamos de descrever, Davi, foi culpado de agravado adultério e assassinato de um dos seus amigos mais fiéis. Mas Deus encobre os pecados do verdadeiro arrependido como também de todos os homens de bem. Qual é a sua lembrança de Maria Madalena?

Em todo o lugar em que o evangelho é pregado no mundo inteiro, uma mulher é lembrada por ungir o nosso Senhor com um precioso unguento. “A memória do justo é abençoada.” (Mc 14:3-9). E em todo o lugar onde o evangelho é pregado, Judas é lembrado por ter traído o nosso Senhor por trinta peças de prata. “O nome dos perversos cai em podridão.” (Mc 14:10-11).

Também não podemos nos esquecer da “Galeria da Fé” onde a memória abençoada de muitos, alguns por nomes e outros por façanhas, são imortalizados no capítulo apostólico de mártires. Tem sido dito a respeito desses ilustres heróis da nossa religião que eles obtiveram bom testemunho (Hb 11:2), esta tão grande nuvem de testemunhas afetaram a sua vida? Você será digno da companhia delas?

Quem guarda o segundo mandamento deixa lembranças abençoadas (Mt 22:39), pois mais abençoado é dar do que receber (At 20:35). Você é um doador ou um tomador? Jesus deixou o exemplo para nós como sendo o maior Doador (Mt 20:25-28). A quem Paulo seguiu (IICo 12:15). Eles serviram a muitos e suas lembranças são abençoadas através do mundo.

Uma árvore de vida será lembrada, pois ganham almas e ajudam a outros (Pv 11:30). Os seus lábios alimentam a muitos (Pv 10:21)? O seu conselho sincero é doce aos seus amigos (Pv 27:9)? Você estimula os seus amigos (Pv 27:17)? Viver e morrer sem influenciar os outros para com o Senhor significa que a sua vida foi um desperdício. Existem três tipos de homens – aqueles que ajudam os outros, aqueles que não fazem nada, e aqueles que prejudicam os outros. Que tipo de homem (ou mulher) você é?

Maridos e filhos louvarão uma esposa e mãe virtuosa, antes e depois de sua morte (Pv 31:28,29). Salomão escreveu carinhosamente a respeito da sua mãe neste mesmo livro (Pv 4:3). O nosso Senhor honrou a Sua mãe estando pendurado em uma cruz (Jo 19:25-27). e a recordação dela é abençoada perpetuamente por causa do seu santo filho e da sua própria e gloriosa testemunha de salvação (Lc 1:46-55).

Se os homens não lhe louvam ou o recomendam aqui, Jesus irá lembrar-se de cada boa obra no grande Dia do Juízo (Mt 25:31-46; Sl 112:6). “A memória do justo é abençoada.”

A lembrança da vida do nosso Senhor Jesus Cristo será o tema de cada cântico e ato de adoração através da eternidade e o incenso será a fumaça do tormento do ímpio!

Tire alguns momentos para pensar e descansar em Deus


22688478_187033188538687_90

Semeando a Palavra que transforma vidas.