Uma consciência limpa é um bem glorioso e maravilhoso

O ímpio foge, embora ninguém o persiga, mas os justos são corajosos como o leão. Provérbios 28: 1

Ouça o Pregador! O valor dela não pode ser medido na terra. Sem ela, sua alma olha nervosamente em torno de si para ver quem está olhando ou vindo atrás de você. Com ela, você não teme o mal. Você pode enfrentar qualquer adversário. Porque ter medo? Você sabe que você é justo; você sabe que o Senhor é com você!

Que tremenda diferença! O pecado torna os homens covardes! Os perversos temem meras sombras e saem correndo. Eles temem a justiça neste mundo e no além, muito parecidos com os anjos amaldiçoados. Que tremenda diferença (Mt 8:29)! O Deus terrível atormenta as suas almas com dúvidas e medo (Jó 15:20-25).

Eles imaginam inimigos e se escondem. Eles são facilmente intimidados. Seus corações temem que esta é a hora em que serão pegos, expostos, punidos e julgados. Para ter coragem, eles afogam as suas consciências – com barulho, louvor dos homens, atividade, falsa religião, álcool, ou drogas.

Os justos não temem nada! Santidade gera grandes homens com coragem! Eles são como o leão que não tem medo, que não corre de ninguém (Pv 30:30; Nm 23:24; Is 31:4). É capaz de dormir ao ar livre com a mesma facilidade que dormiria num mato cerrado, pela sua grande confiança e ousadia.

Leitor, a grandeza está diante de você! Você a vê? Creia nisto; compreenda isto; tome posse disto! Não deixe de lado este provérbio até que você o tenha agarrado com as duas mãos e nunca o deixe. Uma consciência pura lhe tornará grande. Você não temerá nada. O Senhor será a sua espada e o seu escudo. Nenhum inimigo resistirá diante de você. Nenhuma provação o exporá ou o condenará. A grandeza é sua!

O SENHOR colocou uma vela no interior de cada homem para buscar e julgar os seus pensamentos e as suas ações (Pv 20:27). Ela é chamada de consciência. Esta luz interna de Deus julga cada uma das ações do homem como errada, ou a defendendo como sendo correta (Rm 2:14-15; ICo 2:11). O Senhor lhe perseguirá com esse temível inimigo interno, se você pecar contra Ele (Lv 26:17,36; Sl 53:5).

Quando os perversos fariseus tentaram encurralar a Jesus com uma mulher flagrada em adultério, Ele pediu que a primeira pedra fosse lançada por aquele que não tivesse pecado (Jo 8:1-11). A consciência deles, desde o mais velho até o mais novo, os condenou; e deixaram Jesus e a mulher a sós.

Davi poderia ter enfrentado Golias com uma consciência culpada? Como? Com pecado na sua consciência, ele não teria nenhuma confiança na libertação de Deus, mas sim um olhar temeroso de certo juízo. Mas o seu coração e a sua mente eram puros diante do Senhor! Ele não teria tido medo, mesmo que o exército inteiro de filisteus lutasse com ele (Sl 3:6; 27:1-6; 46:1-5)!

Os grandes homens na história, os grandes homens de Deus, sempre tiveram uma consciência pura. Eles podiam sair ousadamente no poder de Deus contra quaisquer inimigos ou circunstâncias (Sl 112:7). Eles não temiam homem algum. Eles sabiam que, colocados em juízo, nada de errado poderia ser posto contra eles. Não havia nenhuma fraqueza na fé deles; eles sabiam que o Senhor estava com eles, não contra eles (Is 26:3-4).

Paulo foi a juízo sem qualquer medo de que algum homem pudesse acusá-lo de algum delito (At 23:1). Nenhuma ameaça de perigo o moveu (At 20:24)! Daniel e três amigos não tinham medo das ameaças de morte (Dn 3:16-18; Dn 6:10). E Moisés não temia a ira do rei (Hb 11:27). Estas foram apenas algumas proezas realizadas por aqueles que conheciam o seu Deus (Dn 11:32).

Mas Caim, o assassino profano, ficou cheio de mórbido terror do perigo invisível (Gn 4:13-15). Ele estava reagindo da mesma forma que o seu pai, Adão, que tremeu de medo no meio das árvores do Jardim, quando Deus apenas o chamou pelo nome (Gn 3:9-10). A consciência dos irmãos de José ainda os perseguia 22 anos depois de tê-lo vendido à escravidão (Gn 42:21)! Mas José, mesmo sendo falsamente acusado e condenado por estupro, podia permanecer ousado diante de Faraó e também do seu pai, como o Salvador do Egito e da sua família! Glória!

Jovem leitor, você ouve o Pregador! Você captou essa grandiosidade! Mantenha a sua consciência limpa, pura, confiante e ousada. Não estrague isto brincando com o pecado, até mesmo os pecados particulares, até mesmo os pecados dos seus pensamentos. A vela do Senhor não deixa escapar o pecado particular de pensamentos sensuais e fantasias secretas. Ela o condenará e roubará a sua coragem de dentro para fora, enquanto você tenta apresentar uma frente de justiça e de ousadia no lado de fora.

Leitores de mais idade, uma consciência poluída arruinará a sua vida. Encarando a esposa, encontrando o pastor, ou disciplinando os filhos serão bem diferentes com o pecado em sua vida. Ele sufocará a sua vida marital, pois você está escondendo um segredo do seu amigo mais próximo. Os sermões se tornarão aterrorizante e irritante ao invés de serem oportunidades de aprendizado, pois você está convicto de que o pregador está lhe perseguindo e brigando com você! Um pai hipócrita ou pecaminoso terá muita dificuldade em disciplinar os seus filhos, pois ele sabe que eles são mais justos do que ele mesmo.

Se você não está confiante e ousado como deveria ser, humilhe-se diante do grande Deus agora! Confesse e repudie os seus pecados! Ele é fiel e justo para perdoar; e pelo Seu Espírito e graça Ele pode restaurar a sua consciência e a sua coragem. Faça-o agora, caro leitor! Não perca esta oportunidade para se tornar grande à vista de Deus e dos homens!

O puro Davi escreveu, “Sonda-me, ó Deus, e conhece o meu coração; prova-me e conhece os meus pensamentos. E vê se há em mim algum caminho mau e guia-me pelo caminho eterno.” (Sl 139:23-24). Veja também (Sl 19:12-14), Com Davi e Paulo, vamos nos exercitar de forma a sempre termos uma consciência vazia de ofensa diante de Deus e dos homens (At 24:16). Exercite a si mesmo na direção deste objetivo, ainda hoje, por oração e autoexame diante do trono de Deus.

Este grande bem pode ser seu, mais do que o de qualquer dos grandes santos do Velho Testamento; você tem um conhecimento maior de Jesus Cristo e do perdão de pecados do que eles tinham. Você pode vir com ousadia diante de Deus com toda a segurança da fé; (Hb 10:22) e pela fiel obediência a Ele através de Jesus Cristo, você pode ser gloriosamente confiante (IJo 3:18-22)! Se você tem esta boa consciência, você já respondeu a Deus com o batismo nas águas (IPe 3:21)?

Os discípulos de Jesus Cristo durante os últimos dois mil anos tiveram os maiores homens e mulheres na terra. Com a consciência pura, com suas vidas de santidade, eles tiveram a ousadia e a confiança diante dos tormentos, tortura e morte. E os seus inimigos algumas vezes reconheciam que pelas suas ousadias eles, obviamente, tinham estado com Jesus (At 4:13)! O que poderia movê-los? “Se Deus é por nós, quem será contra nós??” (Rm 8:31). Glória!

Nenhum homem jamais falou e viveu como o Senhor Jesus Cristo. Nenhum homem jamais teve uma consciência livre, até da mínima mancha do pecado, como ele. Quando da hora da Sua morte em Jerusalém, Ele caminhou com ousadia naquela direção (Lc 9:51). Sua coragem durante todo o tempo foi maravilhoso: ela até levou Pilatos a se maravilhar (Mc 15:5). Porque falar quando estava sendo julgado? Ele sabia que era imaculadamente inocente, e Ele sabia que Deus estava com Ele! Glória! Você crê no Filho de Deus, caro leitor? Creia Nele hoje! Creia Nele agora!

https://bibliapregai.org/proverbios-281

Início  »  Provérbios  »  Capítulo 28  »  Provérbios 28: 1