Quando surgem as dificuldades, não é por acidente ou fatalidade pagã

Como o pardal que voa em fuga, e a andorinha que esvoaça veloz, assim a maldição sem motivo justo não pega.  Provérbios 26: 2

O SENHOR abençoa e o Senhor amaldiçoa. E Ele não amaldiçoa aleatoriamente ou irresponsavelmente – há uma justa causa para o Seu julgamento. Maldições pairam sobre homens e suas casas por uma boa razão, tão certo quanto as aves que vagueiam e andorinhas voadoras que terminam por voltar aos seus ninhos.

Pode não parecer óbvio para nós, mas o passarinho e a andorinha tem um objetivo em seus padrões de voo, da mesma forma o mal que vem da parte do SENHOR não cai sobre um homem sem uma santa razão. A nossa visão dos eventos da vida e seus fluxos e refluxos é a mesma daquela que temos quando observamos o voo aparentemente aleatório dos pássaros, mas o voo delas tem um objetivo e eles sempre chegam aos seus destinos designados.

Se você escolhe uma vida carnal de interesses egoística neste mundo, o Senhor lhe amaldiçoará (Pv 3:31-35; 11:26; 21:12; 28:27; Sl 37:22). Quando Deus amaldiçoa um homem, uma família ou uma nação, isso é terrível (Lv 26:14-40; 11:26-29; 28:15-68; 29:14-29). Ele lhe conhece a conhece os teus piores temores; Ele sabe o que fazer para tornar a tua vida pior do que a morte. Tema a Ele, caro leitor.

O nosso pregador concorda com Paulo, “Não vos enganeis; Deus não se deixa escarnecer; pois tudo o que o homem semear, isso também ceifará.” (Gl 6:7). O caminho dos transgressores é difícil (Pv 13:15), não pense nem por um minuto que o juízo não virá e que os seus problemas são meramente casuais. Da mesma forma que Ele amaldiçoou a terra de Adão com espinhos (Gn 3:18), da mesma forma Ele poderá amaldiçoar a sua vida com espinhos (Pv 22:5). Quando Ele volta a sua face contra um homem, grandes males estão a caminho (Lv 20:5; Jr 21:10).

Reunidos, novamente, Israel negligenciou a adoração a Deus, e por essa razão Ele ameaçou e os amaldiçoou (Hc 1:5-11; Ml 1:14; 2:2; 3:9; 4:6). Ele os avisou a respeito da maldição que consumiria as pedras e as madeiras de suas casas (Zc 5:1-4). Ele pode destruir os seus alicerces, leitor! Tome cuidado para que Ele não o amaldiçoe por confiar na carne e se afastar Dele (Jr 17:5).

No dia da adversidade, pense bem (Ec 7:14). Seus problemas não são eventos acidentais ou aleatórios; eles foram preparados e enviados pelo Altíssimo. Para avisar Israel a respeito das Suas maldições, houve uma assembléia pública, para listar as maldições em leitura responsiva (Dt 27:11-26). E 42 crianças deveriam ter pensado duas vezes antes de zombarem de Elias (IIRs 2:23-25). O homem que não sabe que Deus determina o bem e o mal é um ser ignorante (Lm 3:37-38).

A maior maldição do SENHOR é pelos nossos pecados, e ela traz a certeza eterna de um Lago de Fogo (Mt 25:41). Mas o nosso abençoado Jesus foi feito maldição por nós (Gl 3:13), para que sejamos livres de qualquer maldição no céu (Ap 22:13)! Aleluia! E aqueles que não amam a Ele serão amaldiçoados na Sua gloriosa vinda – Anátema Maranata (ICo 16:22)!

https://bibliapregai.org/proverbios-262

Início  »  Provérbios  »  Capítulo 26  »  Provérbios 26: 2